Pesquise por hashtags, nomes, e assuntos Pesquisar

Fechar

Vinhos para o Natal: como harmonizar sua ceia

As bebidas nas comemorações de final de ano são parte importante das refeições. Elas podem contribuir para a experiência e transformar o sabor dos pratos. Por essa razão, escolher vinhos para o Natal pode fazer muita diferença na sua ceia.

A harmonização, porém, não é algo tão simples. Portanto, há algumas regras que podem guiar a escolha de vinhos para o Natal de maneira que combinem perfeitamente com a ceia.

Separamos algumas dicas úteis de vinhos para Natal e como fazer uma harmonização agradável. Confira!

Tipos de harmonização

O conceito básico de uma harmonização bem sucedida é comer e beber sem que nenhum dos sabores se sobreponha ao outro. A partir disso, é possível criar sensações pela combinação de pratos e bebidas.

Conheça os dois tipos de harmonização mais famosos:

Harmonização por contraste

O primeiro princípio é contrapor a sensação do vinho à sensação da comida, criando uma harmonização por contraste. Ao comer algo com muita gordura e que deixe a sensação de untuosidade na boca, por exemplo, você beberá, como contraponto, um vinho ácido.

Também é possível que ocorra o processo contrário: comer algo muito ácido e amenizar a sensação utilizando um vinho mais doce.

Um exemplo desse tipo de harmonização é comer um peixe suculento, como salmão, e tomar um Chardonnay, um vinho com maior acidez. Ambos têm sabores delicados, e um fará contraste com o outro.

vinho natal

Harmonização por semelhança

Outro tipo de harmonização é por semelhança. Nesse caso, não podem ser utilizados vinhos ou comidas fortes, pois um sabor não pode sobrepor o outro. O intuito será prolongar as sensações.

Para uma comida doce, você deverá beber um vinho igualmente doce. Um exemplo é a combinação de frutas, como morango e cereja, a vinhos brancos doces, como Moscato.

O mesmo princípio pode servir para comidas e vinhos aromáticos, estruturados ou com sabor persistente.

Exemplos de harmonização

Escolher o seu vinho para o Natal que harmonize com a ceia dependerá dos pratos que você preparar.

Peru assado

O peru é um clássico natalino. É uma ave grande e suculenta, e normalmente é servida assada com acompanhamentos. Por possuir um sabor leve, o ideal é beber vinhos que acompanhem essa leveza.

As carnes de aves combinam com muitas possibilidades de vinhos, como espumantes rosé, tintos médios e brancos leves. Porém, para um peru de natal, as melhores combinações estarão nos vinhos brancos ricos e nos tintos leves.

Vinhos brancos ricos, como o Chardonnay ou o Semillon, são capazes de gerar contraste com a suculência do peru através da acidez. Já os tintos leves, como Pinot Noir e Gamay, trazem notas aromáticas e refrescantes.

Tome cuidado para não utilizar molhos ou acompanhamento com sabor forte. Nesse caso, as bebidas podem não harmonizar.

vinho natal

Lombo ou pernil

Em muitas ceias, também é comum servir carnes suínas, como lombo ou pernil. Esses cortes têm um sabor leve e muitas vezes são combinados a acompanhamentos e molhos agridoces.

No caso do lombo, é importante considerar que a carne possui uma textura mais seca e sem muita gordura. Por essa razão, será necessário contrabalancear com um vinho mais úmido. Algumas dicas são os tintos como Malbec e o Merlot.

Já o pernil é uma carne mais saborosa e suculenta, portanto é possível combinar outro tipo de bebida. Nesse caso, sirva vinhos brancos leves como Sauvignon Blanc ou vinhos tintos leves como Pinot Noir.

Bacalhau

O bacalhau é um prato com sabor marcante, muito diferente de boa parte dos peixes. Entre suas principais características estão o sal, vindo do processo de conserva, e a gordura do azeite, um dos principais temperos utilizados no seu preparo.

A harmonização depende do tipo de preparo. No caso de receitas com azeitonas, azeite e batatas, como é o caso do bacalhau Gomes de Sá, é preciso servir vinhos fortes, com acidez presente. Essa característica servirá de contraste ao sal e à untuosidade do prato.

Recomenda-se vinhos brancos encorpados como Chardonnay e Marsanne, ou tintos encorpados, como Cabernet Sauvignon. Uma dica é apostar nas bebidas portuguesas, como as variações de vinho do Porto.

Harmonizar vinhos para o Natal é uma experiência muito agradável. Seguindo os conceitos básicos de harmonização será possível criar uma infinidade de combinações e ter uma ceia diferente e interessante.

No Cidade Canção online você encontra tudo que precisa para sua ceia de Natal, além de uma grande variedade de vinhos. Clique no banner abaixo para conferir!

vinhos natal

0.00 avg. rating (0% score) - 0 votes
Esse conteúdo foi útil?
0.00 avg. rating (0% score) - 0 votes

Fala pra gente o que achou

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Cidade Canção – Blog